Quando o coração celebra a vida – Pe. Paulo Gozzi

R$19,90 R$15,00

O número 37 da Sacrosanctum Concilium estabelece que “A Igreja não deseja impor na Liturgia uma rígida uniformidade para aquelas coisas que não dizem respeito à fé ou ao bem de toda a comunidade, mas respeita e procura desenvolver as qualidades e dotes de espírito das várias raças e povos”.  Liturgia significa “povo em ação”. É uma celebração coletiva, em que as pessoas se reúnem em assembleia e utilizam símbolos e sinais como gestos, palavras, atitudes, objetos, luzes, cantos, música e tudo que expresse sua fé para entrar em comunhão com Deus. Padre Paulo, em seus 46 anos de experiência pastoral, analisa, aprofunda e questiona a celebração eucarística. Para ele, a liturgia não é uma obra acabada e definida. Ela precisa se atualizar e aceitar as mudanças de cada grupo e de cada cultura. É próprio da Liturgia reunir e organizar o que estava disperso. É o que podemos denominar de dimensão comunitária e eclesial da ação litúrgica.  Sem perder de vista a unidade do mistério, encontramos sugestões criativas e práticas que, por caminhos renovados, mantêm a organização do espaço litúrgico, tornando frutuosa a celebração  dos sacramentos da fé,  e bem adaptada às pessoas.  A liturgia é a comunicação da “graça de Nosso Senhor Jesus Cristo, do Amor do Pai e da comunhão do Espírito Santo”, na Igreja convocada e reunida pela Palavra.

144 páginas
15,00

Comparar
REF: 007921 Categoria: Tags: , ,
Apresentação

Descrição

O número 37 da Sacrosanctum Concilium estabelece que “A Igreja não deseja impor na Liturgia uma rígida uniformidade para aquelas coisas que não dizem respeito à fé ou ao bem de toda a comunidade, mas respeita e procura desenvolver as qualidades e dotes de espírito das várias raças e povos”.  Liturgia significa “povo em ação”. É uma celebração coletiva, em que as pessoas se reúnem em assembleia e utilizam símbolos e sinais como gestos, palavras, atitudes, objetos, luzes, cantos, música e tudo que expresse sua fé para entrar em comunhão com Deus. Padre Paulo, em seus 46 anos de experiência pastoral, analisa, aprofunda e questiona a celebração eucarística. Para ele, a liturgia não é uma obra acabada e definida. Ela precisa se atualizar e aceitar as mudanças de cada grupo e de cada cultura. É próprio da Liturgia reunir e organizar o que estava disperso. É o que podemos denominar de dimensão comunitária e eclesial da ação litúrgica.  Sem perder de vista a unidade do mistério, encontramos sugestões criativas e práticas que, por caminhos renovados, mantêm a organização do espaço litúrgico, tornando frutuosa a celebração  dos sacramentos da fé,  e bem adaptada às pessoas.  A liturgia é a comunicação da “graça de Nosso Senhor Jesus Cristo, do Amor do Pai e da comunhão do Espírito Santo”, na Igreja convocada e reunida pela Palavra.

144 páginas
15,00

Informação adicional

Peso 0.170 kg
Dimensões 14 × 21 × 1 cm

Você também pode gostar de…